Evento discute CT&I no agronegócio

Téo Scalioni - 30-10-2018

Com o apoio da FAPEMIG, será realizada nos dias 20 e 21 de setembro o IX Simpósio Brasileiro de Agropecuária Sustentável (SIMBRAS). O evento que acontece no Auditório da Biblioteca Central da Universidade Federal de Viçosa (UFV), tem como objetivo discutir Ciência Tecnologia e Inovação para o desenvolvimento agropecuário sustentável. Na ocasião, também acontece VI Congresso de Agricultura Sustentável.

Não é de hoje que a FAPEMIG tem tido ampla participação nos assuntos relacionados ao agronegócio. Segundo o presidente da instituição, Evaldo Vilela, a FAPEMIG, mesmo em tempos difíceis, busca apoiar projetos e pesquisas relacionadas ao tema. Segundo ele, hoje a realidade inovadora chegou também ao agronegócio por várias portas de entradas como startups, trabalhos com drones e inteligência artificial. “A inovação de uma maneira geral tem crescido muito em Belo Horizonte e no interior de Minas. E o setor agropecuário também se beneficia desse cenário de inovação que cresce constantemente”, observa.

Outro ponto apontado pelo presidente da FAPEMIG é que os avanços na área da TI, com sistemas mais diversificados e eficientes no uso de insumos, vão contribuir para uma melhor gestão ambiental dos sistemas de produção. Segundo ele, a tecnologia da informação sistematiza dados e cria plataformas com sensores, possibilitando uma análise melhorando todo o processo. “Vejo isso com um benefício muito grande para o sistema de produção, porque nós vamos ter que aumentar a produção por área. Não vamos ocupar novas áreas, e sim, aumentar com eficiência”, acredita Evaldo.

O simpósio irá promover a troca de conhecimentos entre pesquisadores que são vinculados às instituições nacionais e internacionais, profissionais e gestores de áreas afins, visando cooperar parar o fortalecimento da pesquisa, e extensão no Brasil e no mundo. O tema é considerado de grande importância para o desenvolvimento por bases cientificas, metodológicas e técnicas que garantam princípios fundamentais no desenvolvimento do agroecossistemas biodiversos, eficientes do ponto de vista bioenergético, socialmente justos - características que constituem os pilares da sustentabilidade.

Os trabalhos poderão ser submetidos para publicação até o dia 30 de junho nas seguintes áreas: Aquicultura; Agricultura Familiar; Agroecologia; Educação do Campo; Ciência, Tecnologia e Inovação; Associativismo, Economia Solidária e Cooperativismo; Economia; Entomologia; Ensino e Extensão; Fitopatologia; Floresta; Forragicultura; Meio Ambiente; Mudanças Climáticas; Políticas Públicas; Produção Animal; Produção Vegetal; Recursos Naturais; Solos; Urbanização, com ênfase na sustentabilidade atual e futura. Estes poderão ser submetidos pelo site: www.simbras-as.com.br.