FAPEMIG apresenta resultados de Chamada na área da saúde

Tatiana Nepomuceno - 01-10-2019
422

Ocorreu na manhã desta terça-feira (1), no auditório da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), em Belo Horizonte, a abertura oficial do Seminário de Avaliação Final do Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde (PPSUS) – Chamada 14/2013. O evento foi promovido pela FAPEMIG, com o apoio da Secretaria de Estado de Saúde (SES/MG) e do Ministério da Saúde (MS), e tem como objetivo a apresentação dos mais de 50 projetos com ideias ou soluções para problemas enfrentados pelo SUS.  

Na mesa de abertura, o diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) da FAPEMIG, Paulo Sérgio Lacerda Beirão, falou sobre os desafios enfrentados pelo SUS e de como a comunidade científica pode atuar na busca por soluções para estes problemas, destacando a relevância da Chamada para a sociedade. “Durante estes 3 dias de seminário as pessoas poderão ver os resultados gerados pela academia nestes últimos 6 anos de pesquisa”, explica Beirão. “O desafio agora será aplicar os resultados deste conhecimento gerado no dia a dia do SUS”, complementa Beirão. 

Também participaram da mesa de abertura do evento a analista de Ciência e Tecnologia do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Carolina Gomes, os consultores técnicos do Departamento de Ciência e Tecnologia  do Ministério da Saúde (MS), Leonardo Ferreira Machado e José Eloy dos Santos Júnior e da assessora de Parcerias Institucionais da Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais (SES/MG), Cláudia Hermínia de Lima e Silva. Para Hermínia, o encontro é uma oportunidade para incluir propostas científicas que contribuam para a gestão da saúde pública em Minas Gerais e, de acordo com ela, é por meio da pesquisa que é possível avançar na resolutividade de questões críticas para o SUS. “É preciso identificar linhas de estudos que auxiliem na tomada de decisão para o Estado e essa Chamada é fundamental para isto”, pontua. 

Das propostas apresentadas, a chefe do Departamento de Parcerias Públicas da FAPEMIG, Simone Bomtempo, falou sobre o número de propostas exibidas por eixo temático. “Das 55 propostas apresentadas, 42% se referem ao eixo inovação e tecnologia para a saúde mental e 16% são propostas que atendam demandas relacionadas a soluções para pessoas com deficiência, população vulnerável e saúde mental. Um dado importante quando se pensa em saúde pública”, finaliza. O evento segue nesta tarde de terça-feira até 17h, e termina na quinta-feira (3). A iniciativa é gratuita, aberta ao público e não há necessidade de inscrição prévia. 

Sobre a Chamada 14/2013

A Chamada FAPEMIG 14/2013 – Projeto de Pesquisa e Desenvolvimentos Prioritários para o Sistema Único de Saúde no Estado de Minas Gerais foi uma parceria entre a FAPEMIG, o Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual de Saúde, firmada em 2013 e que teve como objetivo convocar a comunidade científica para pensar propostas para o SUS, com foco em processos de atenção à saúde, inovação e qualidade da gestão do sistema único de saúde. Na época foram contemplados 55 projetos, dos quais cerca de 52 serão apresentados durante os três dias de evento. 

Os seis eixos temáticos definidos para os trabalhos foram: sistemas e políticas de saúde; gestão em serviços de saúde; vigilância em saúde; doenças crônicas não transmissíveis; inovação e tecnologia em saúde; e pessoas com deficiência, população vulnerável e saúde mental. Esses eixos foram discutidos entre membros da FAPEMIG, pesquisadores e representantes de instituições de ensino e de pesquisa da área da saúde. 

Serviço

Dias: 1 até 3 de outubro

Local: avenida José Cândido da Silveira, 1.500 - Horto

Horário: 9h até 17h