Programa Centelha divulga projetos aprovados da Fase 3

Téo Scalioni - 04-05-2020
842

               


A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG) divulgou a lista dos projetos aprovados para contratação e os suplentes da Fase 3 do Programa Centelha, em Minas Gerais. Ao todo, foram aprovados 50 projetos, sendo que os 15 primeiros estão classificados para receber a subvenção. Agora, o programa entra em fase da abertura de recursos.

Vale lembrar que, caso o proponente tenha fundamentos para contestar o resultado do julgamento das propostas dessa 3° fase, poderá apresentar recurso administrativo em até dez dias corridos, contados do dia subsequente à data de divulgação do resultado. A equipe técnica da FAPEMIG vai analisar os recursos interpostos e encaminhará o parecer ao diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação, que deliberará quanto ao deferimento ou indeferimento, em até oito dias úteis após o recebimento do recurso.

O Programa Centelha visa estimular o empreendedorismo inovador por meio de capacitações para o desenvolvimento de produtos (bens e/ou serviços) ou de processos inovadores e apoiar, por meio da concessão de recursos de subvenção econômica (recursos não reembolsáveis), a geração e fomento de empresas de base tecnológica a partir da transformação de ideias inovadoras em empreendimentos que incorporem novas tecnologias aos setores econômicos estratégicos do Estado de Minas Gerais

De acordo com Thiago de Azevedo Morais, membro da equipe executora do programa Centelha em Minas, ao todo foram 1080 participantes cadastrados e 523 ideias inovadoras submetidas. “Mobilizamos o ecossistema de inovação e empreendedorismo do Estado e tivemos projetos das mais diversas temáticas e de várias cidades mineiras”, conta Thiago, reforçando que o programa atendeu às expectativas dos organizadores. 

Incentivando o empreendedorismo e a inovação 

Promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), operada pela Fundação CERTI e executada em Minas Gerais pela FAPEMIG, o programa Centelha disponibiliza R$ 1 milhão para subvenção econômica de15 projetos de inovação.

O programa foi lançado no dia 29 de agosto do ano passado. Na solenidade de lançamento do Centelha, além do presidente da FAPEMIG na ocasião, Evaldo Vilela, participaram também o governador do Estado Romeu Zema e o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, astronauta Marcos Pontes. 

Confira aqui a lista dos projetos aprovados.