Seed divulga startups que seguem na próxima etapa

Téo Scalioni - 23-07-2021
237

Quarenta startups seguem para a próxima fase do Seed Edição Especial. A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Sede), em conjunto com os parceiros que executam a rodada, finalizou, na última semana, a terceira etapa do processo de seleção de startups do programa. A lista com as selecionadas para seguir adiante foi publicada no site oficial do programa.

Como previsto em edital, após a primeira etapa nos dois meses iniciais, os 59 projetos participantes foram avaliados e 40 e ganharam o direito de completar etapa de aceleração. O julgamento observou a performance das startups e analisou capacidade de execução, engajamento, desempenho técnico e do negócio e alinhamento dos participantes com o programa. 

Próximos passos

Para o superintendente de Inovação Tecnológica da Sede, Pedro Vaz, nesses dois primeiros meses de aceleração os participantes tiveram a oportunidade de se conectarem com órgãos públicos, aqueles que foram dentro da temática pública, e também tiveram a oportunidade de consumir e participar de conteúdos extremamente importantes para o desenvolvimento dos seus respectivos negócios.

“A fase inicial do programa é de extrema importância. Nesses dois primeiros meses de projeto, as 59 startups faturaram, em conjunto, mais de R$ 6 milhões, o que mostra a qualidade de todas as empresas que estavam presentes nesta edição do Seed”, revelou Vaz, garantindo que, daqui pra frente, as startups que ficam vão continuar tendo diversos conteúdos pra apoiar em seus desenvolvimento, intensificando o contato delas com potenciais clientes e investidores, além do apoio de mentores do mercado para o desenvolvimento dos respectivos negócios.

E, para aquelas startups que infelizmente não seguem no programa, elas continuarão tendo acesso a alguns conteúdos compartilhados e contam, também, com os contatos da equipe para que possam apoiá-las da maneira que puderem.

"O Seed Edição Especial tem surpreendido diariamente. Viemos com uma proposta nova voltada para conexão, e o resultado tem sido incrível! Nossas startups estão em peso nos eventos e nas interações desses últimos dois meses. É, sem dúvida, um programa construído por muitas mãos, voltado para o desenvolvimento não somente das startups, mas também das pessoas. O resultado não poderia ser diferente", orgulha-se a coordenadora do Seed e Head de Inovação Aberta no IEBT, Jéssica Rangel.

Para acelerar o ecossistema mineiro 

O Seed é um dos maiores agentes de fomento do ecossistema de empreendedorismo e inovação brasileiro. Sua principal iniciativa é o programa de aceleração de startups para empreendedores do mundo todo que queiram desenvolver seus negócios de base tecnológica em Minas Gerais. O programa é uma experiência única com foco em desenvolvimento das startups e transferência de conhecimento, além de um ambiente fértil para a troca de experiências entre os empreendedores da rodada e o ecossistema. É viabilizado por meio de um convênio com a UFMG e financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG).

Lançado em 2013, o Seed já promoveu cinco rodadas de aceleração, todos com a elegibilidade de pessoas físicas e não apenas de startups já cadastradas como pessoa jurídica. O programa atingiu a marca de  6.481 inscrições, e contou com a participação de 192 startups, sendo 155 brasileiras e 37 estrangeiras, de 26 nacionalidades, total de 490 empreendedores.  


Com assessoria SEDE