Aberta chamada para apoio a instalações multiusuários

Vanessa Fagundes - 25-01-2022
2098

A FAPEMIG lançou, hoje (25), sua chamada 02/2022: “Programa de Apoio a Instalações Multiusuários – Apoio a redes de compartilhamento de equipamentos e instalações de pesquisa”. Ao todo, serão destinados R$20 milhões para os projetos aprovados, sendo que cada proposta pode solicitar até R$2 milhões.

O objetivo da chamada é apoiar o funcionamento de instalações multiusuários existentes nas Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) de Minas Gerais e/ou induzir o seu compartilhamento para o apoio a pesquisas em desenvolvimento. Espera-se, com isso, estimular a cooperação entre pesquisadores e instituições e reduzir o custo de uso e manutenção das infraestruturas de pesquisa já instaladas.

“No cenário de escassez de recursos vivenciado por nossas instituições científicas, tecnológicas e de inovação, faz-se importante apoios como esse por parte da FAPEMIG, no sentido de contribuir para redução de custos de manutenção das infraestruturas de pesquisa das nossas ICTs, imprescindíveis para a promoção do tripé ciência-tecnologia-inovação", comenta a assessora da diretoria de Ciência, Tecnologia e Inovação, Cynthia Mendonça Barbosa.

A chamada, na íntegra, pode ser acessada aqui. O prazo para submissão de propostas segue até 11 de abril de 2022. Dúvidas podem ser enviadas pelo Fale Conosco.

Trabalho colaborativo
Como destaca Cynthia Barbosa, o incentivo ao trabalho colaborativo é o diferencial desta iniciativa. “Buscamos induzir a colaboração entre pesquisadores, ICTs e empresas por meio do uso compartilhado de infraestrutura e equipamentos e, ao mesmo tempo, induzir a utilização otimizada de recursos, especialmente os recursos financeiros”, diz. É a segunda vez que a FAPEMIG lança chamada do Programa de Apoio a Instalações Multiusuários: a primeira foi divulgada em 2019 e teve resultados positivos. Na ocasião, 60 propostas foram submetidas e 28, aprovadas, como pode ser conferido aqui. Oito ICTs sediadas em Minas foram beneficiadas. O retorno positivo motivou essa nova edição.