FAPEMIG tem propostas aprovadas no Programa PDPG III/Capes

Júlia Pinheiro - 16-03-2023
3973

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) tornou público o resultado do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Parcerias Estratégicas nos Estados III. A iniciativa, executada em parceria com as Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs), busca contribuir para a redução das assimetrias regionais a partir da consolidação de programas de pós-graduação e da manutenção da qualidade daqueles de excelência reconhecida. 

Em outubro de 2022, a FAPEMIG realizou uma live com o objetivo de tirar dúvidas das instituições interessadas e elencar os temas estratégicos para o Estado. A partir daí, as instituições de ensino superior apresentaram suas propostas: foram 18 ao todo, que passaram pela análise da FAPEMIG. Destas, quatro foram selecionadas pela Fundação, número máximo de propostas por FAP permitidas pelo edital. Os quatro projetos submetidos pela FAPEMIG ao PDPG III foram aprovados. O resultado completo pode ser consultado aqui.

Projetos aprovados
As propostas aprovadas são vinculadas à Universidade Federal de Itajubá (Unifei), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop). As plataformas tecnológicas apoiadas envolvem as temáticas: Hidrogênio como fonte de energia; Imunobiológicos e biofármacos; e Energias renováveis. Os programas de pós-graduação e o título dos projetos contemplados são:


Projeto 1 -
 Unifei (Plataforma tecnonológica: Hidrogênio como fonte de energia)
Programa de Pós-Graduação Engenharia Mecânica
Título: Avaliação tecnico-econômica e ambiental das tecnologias de produção de biocombustíveis e hidrogênio e seu potencial no Estado de Minas Gerais.

Projeto 2 - UFMG  (Plataforma tecnológica: Imunobiológicos e Biofármacos)
Programa de Pós-Graduação Ciências Biológicas (Fisiologia e farmacologia)
Programa de Pós-Graduação Inovação Tecnológica e Biofarmacêutica
Programa de Pós-Graduação Biologia Celular
Programa de Pós-Graduação Genética Programa de Pós-Graduação Ciências Biológicas (Microbiologia)
Título: Desenvolvimento de Imunobiológicos e Biofármacos para terapias avançadas e inovadoras.

Projeto 3 - UFU (Plataforma tecnológica: Energias Renováveis)
Programa de Pós-Graduação Engenharia Elétrica
Título: Desenvolvimento de Conversores Estáticos Inteligentes para Conexão de Microrredes e Recursos Energéticos Distribuídos (REDs) ao Sistema Elétrico de Potência.

Projeto 4 - Ufop (Plataforma tecnológica: Imunobiológicos e Biofármacos)
Programa de Pós-graduação em Ciências Biológicas
Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas
Programa de Pós-graduação em Saúde e Nutrição
Título: Fortalecimento e consolidação dos programas de Pós graduação em ciências da vida na área de imunobiológicos e biofármacos em ambientes multiusuários da Universidade Federal de Ouro Preto.


PDPG
O Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação tem como público alvo os programas de pós-graduação stricto sensu acadêmicos aptos a contribuir com a formação de recursos humanos altamente qualificados, ampliar a produção acadêmico-científica e apresentar tecnologias necessárias para o desenvolvimento dos temas prioritários identificados pelo proponente nos estados.

Ao todo, a Capes prevê o investimento de R$126,1 milhões na ação, distribuídos entre bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. As FAPs entram com contrapartida na forma de custeio de, pelo menos, 30% do montante destinado pela Capes a cada projeto.

O próximo passo é a formalização do acordo de cooperação entre a FAPEMIG e a Capes para dar sequência à implementação da contrapartida e das bolsas no Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios (SCBA) da Capes. Dessa forma, não há previsão de data para as contratações dos projetos aprovados, mas assim que a FAPEMIG tiver a informação, os proponentes serão contatados.

Dúvidas podem ser enviadas por meio do Fale Conosco.