PROCESSO DE RECUPERAÇÃO DE ÓXIDO DE FERRO DA LAMA (REJEITO) PROVENIENTE DA CONCENTRAÇÃO DE MINÉRIO DE FERRO

IDENTIFICADOR: 188 | DATA: 10-08-2020
138

SETOR ECONÔMICO:

Mineração


PROBLEMA QUE SOLUCIONA:

O objetivo da presente invenção é extrair o óxido de ferro contido na lama (rejeito) proveniente do processo de concentração de minério de ferro, possibilitando a recuperação de um material com alto valor agregado (óxido de ferro) a partir de um rejeito do processo. Como resultado, seria possível diminuir o volume de lama estocado em barragens e aumentar a eficiência global do processo, ao reincorporar o produto obtido (concentrado ultrafino de ferro) ao processo de produção do pellet feed para a indústria siderúrgica.


SOLUÇÃO APRESENTADA:

O processo da presente invenção consiste em desaguar a lama até um teor de 13% de umidade, adicionar carbonatos ou hidróxidos alcalinos, calcinar ao ar, realizar uma têmpera e, em seguida, fazer a lixiviação, em meio ácido, da matriz vítrea formada, obtendo-se um precipitado rico em óxidos de ferro.


PRINCIPAIS VANTAGENS E BENEFÍCIOS:

Um método para extração de óxido de ferro da lama (rejeito) do processo de concentração de minério de ferro, contendo quartzo como principal impureza, a partir da adição de fundente (hidróxidos ou carbonatos alcalinos) para o quartzo, na presenta de umidade, seguido das etapas de calcinação ao ar, têmpera e lixiviação em solução ácida. Como resultado, obtêm-se um concentrado ultrafino de óxido de ferro na fase hematita com características adequadas para incorporação ao pellet feed utilizado na produção do aço por indústrias siderúrgicas.


POTENCIAIS APLICAÇÕES:

Produção de pellets de concentrado de minério de ferro.


ESTÁGIO DE DESENVOLVIMENTO:

Bancada de laboratório.


TITULARES:

Comissão Nacional de Energia Nuclear / Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear


NÚMERO DO PROCESSO DO INPI:

BR 10 2018 015600 4


INFORMAÇÕES PARA CONTATO:

Fernando Soares Lameiras - CDTN: fsl@cdtn.br


LINKS ÚTEIS:

Acesse o pedido de patente de invenção na íntegra aqui.