SENSORES ELETROQUÍMICOS NAO ENZIMÁTICOS PARA DETECÇAO DE GLICOSE EM AMOSTRAS DE SALIVA

IDENTIFICADOR: 218 | DATA: 06-11-2020
2634

SETOR ECONÔMICO:

Equipamentos Laboratoriais e Hospitalares

 

Problema que soluciona:

Medição de níveis de glicose através da saliva, de forma não enzimática.

 

Solução apresentada:

Uso de sensores eletroquímicos não enzimáticos em plataforma flexível de eletrodos de filmes finos de cobre.

 

Principais vantagens e benefícios

- Medida rápida, com limite de detecção em concentrações mais baixas que os sensores atuais;

- Plataforma flexível e descartável, sem necessidade de furos no organismo humano já que as medidas são feitas através da saliva;

- Baixo custo, já que não utiliza enzimas na detecção.

 

Potenciais aplicações:

Esta invenção possui potencial de aplicação industrial em organizações que desenvolvem equipamentos de detecção e medição de glicose. Hospitais e postos de saúde.

 

TITULARES:

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO – UFTM

FUNDAÇAO DE AMPARO A PESQUISA DO ESTADO DE MINAS GERAIS - FAPEMIG

 

NÚMERO DO PROCESSO NO INPI:

BR 10 2020 012146 4

 

INFORMAÇÕES PARA CONTATO:

NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA DA UFTM: nit@uftm.edu.br

 

LINKS ÚTEIS:

Acesse o pedido de patente de invenção na íntegra aqui.